motivação

A História De Superação E Sucesso De Joana D'Arc Félix de Souza

Essa semana tivemos o prazer de receber uma das confirmações que mais me animaram para a próxima edição do #PushSP: Dra. Joana D'Arc Félix de Souza, cientista PhD em química e professora. Se você não ainda conhece esse nome, vou te pedir 18 minutos do seu tempo que, sem dúvida, irão te inspirar e fazer pensar (muito!). 

Filha de uma empregada doméstica e um cortumeiro, Joana aprendeu a ler com 3 anos e meio - quando sua única forma de distração, enquanto sua mãe trabalhava em uma casa de família, era colorir o jornal Estadão. Entrou na primeira série com 4 anos e, aos 14, foi aprovada na USP, Unicamp e UNESP. Ao longo de todo esse período, Joana viveu o racismo e passou fome, mas nunca desistiu. Cada preconceito que ela sofria era um estímulo para tirar as melhores notas da sala. 

Aos 19 anos foi estudar na Carolina do Sul, nos EUA, berço do Ku Klux Klan, onde mais uma vez reviveu o racismo, só que dessa vez mais forte do que nunca. Joana relata que foi um ano de sua vida onde parecia ser invisível, mas que não podia desistir, pois estava aprendendo muito. O esforço valeu a pena, pois ao fim daquele ano veio a recompensa: uma bolsa para finalizar seu mestrado em Harvard. No TED abaixo Joana fala de sua trajetória e diz que usou todo o preconceito que viveu como uma ferramenta para vencer. 

 

 

Joana entende que a educação é a arma mais poderosa para vencermos os obstáculos da vida e acredita que o Brasil tem futuro, basta acreditarmos nos jovens e investirmos em educação. Por um Brasil e um mundo com mais Joanas <3

mais posts